A cozinha é um dos ambientes mais exigentes da casa, em decorrência do constante fluxo de vapor, gordura e calor. Isto significa que nos preocupamos com a durabilidade, bem como com o estilo do projeto! 

Acredite: um ambiente pequeno não precisa ser um problema e isso também vale para a cozinha.

Com móveis planejados é possível otimizar o espaço sem abrir mão do charme e eficiência. É de extrema importância planejar o local para armazenamento de panelas, utensílios e eletrodomésticos que apenas os armários não dão conta de guardar.

A cozinha planejada serve para garantir que todo o espaço que há na sua cozinha seja otimizado, distribuindo de forma inteligente e personalizada tudo o que é necessário para sua cozinha funcionar: itens estruturais como pia, bancadas, armários etc e os funcionais, como fogão, geladeira, microondas e outros eletrodomésticos.

Para isso é preciso ocupar cada espaço com peças úteis e sob medida, para que além de funcional a cozinha também fique bonita. Os móveis geralmente são feitos especialmente para esse espaço e você pode escolher o modelo, a cor e o acabamento.

A ilha na cozinha

Se você quer ganhar espaço, esta opção não tem erro. Em ambientes pequenos, por mais que você pense que a ilha vai atravancar a cozinha, sobra espaço nas bancadas! Se ela já tem pia e fogão, nos demais espaços podemos colocar os eletrodomésticos e utensílios.

Apostamos *nesse item em nossos projetos pois a ilha substitui a mesa na cozinha, principalmente se não tem espaço para uma copa. Ela fica ideal para refeições como o café da manhã ou lanches rápidos e também serve de apoio para cozinhar em qualquer espaço, facilitando muito. Você ainda pode incluir mais gavetas e armários, como fizemos na cozinha do projeto VNJ.

Outra vantagem é que ela dá funcionalidade à cozinha, promovendo a integração do ambiente, ficando acessível por todos os lados. Suas visitas poderão participar na hora do preparo das refeições, tornando o momento mais aconchegante.

O Vinícius e a Jéssica, do projeto VNJ, não queriam muitos armários e queriam aproveitar o espaço de forma mais livre. Assim, com um pouco de criatividade e planejamento, conseguimos maximizar a metragem desta cozinha!

É importante destacar o uso do revestimento 3D do lado da ilha. Pensamos nele por ser resistente o suficiente para aguentar calor, vapor e a gordura que poderia surgir com o tempo. Com certeza é uma opção mais fácil de limpar do que a parede em si!

Móveis que facilitam a circulação

Para que uma cozinha seja confortável e funcional é necessário que ela tenha medidas de altura e circulação adequadas. Incorporamos a distribuição dos móveis com o objetivo de facilitar a circulação das pessoas que usarem o ambiente. Por isso, escolhemos uma parede para deixar livre, dando a sensação de mais espaço.

A cozinha deve ser adaptada a rotina da sua família e não o contrário. O número de pessoas que moram com você, a estatura destas pessoas e a frequência de uso da cozinha, tudo isso influencia no planejamento para deixar o espaço confortável e ergonômico!

Eletrodomésticos embutidos

O uso de eletrodomésticos de embutir pode ser uma boa alternativa para otimizar espaço. O fogão, por exemplo, pode ser escolhido conforme o tamanho da família e das necessidades (4 ou mais queimadores).

Outra vantagem é que eles trazem praticidade, seja durante o preparo das refeições ou na hora da limpeza, tudo isso aliado a um design diferenciado, com visual moderno e sofisticado.

Reforçamos que a ajuda de um arquiteto também é fundamental na hora de pensar na melhor estrutura para a sua cozinha, potencializando as dimensões do lugar e explorando áreas alternativas!

E aí, curtiu? Não deixe de comentar aqui o que você achou deste artigo!